quinta-feira, 26 de maio de 2011

Turma da Mônica



Muitas crianças passaram a amar a leitura depois que se encantaram com algum dos personagens da Turma da Mônica. Quem na infância não adorava os gibis da Turma da Mônica? E quem nunca se identificou com alguns dos personagens mais divertidos da obra de Maurício de Souza? Pois é, além de uma grande evolução de uma obra brasileira, é através de um pequeno gibi que a criança torna-se um adulto apaixonado por literatura.

Os gibis da Turma da Mônica sempre apresentaram histórias para as crianças que acontecem no mundo real, como a história da Dorinha, uma menina cega; do Pelezinho e Jeremias, meninos negros. Além de mostrar outras histórias, como a do Cascão, menino que não gostava de tomar banho; do Cebolinha, que falava elado; da personagem principal, Mônica, que era gordinha, dentuça... As histórias não ficam só sobre personagens da cidade, esse gibi também conta a vidas dos amiguinhos do Chico Bento, que mora na roça; do Anjinho, como mesmo o nome diz, é um anjo de verdade. Também tem o oposto, o personagem Penadinho, que é um fantasminha. Há também a história do Papa-Capim, um menino índio que mora na Amazônia; do Horácio, um filhote de dinossauro. Todas as histórias de cada personagem sempre há um aprendizado para as crianças e uma identificação na vida.

Depois de um bom tempo em formato de almanaque ou gibi, a Turma da Mônica passou a ser feita em animações. Ficou muito divertido, pois passou a atingir outro público infanto-juvenil. O mais belo foi a transformação dessa turminha, que era representada como crianças, agora terem tornado-se adolescentes, e os desenhos no estilo mangá! O trabalho ficou muito bonito e agora aquela criançinha pode crescer e continuar a ler a Turma da Mônica, quando adolescente. Um formato muito interessante para atingir diversos públicos a amarem mais a leitura!



Por Juliane Roza

Um comentário:

Geisy Almeida disse...

meninas, passei pra desejar boa sorte nesse novo projeto de vocês ;]

beijos =D